Scroll to top
EspaçoVittal, muito mais que uma academia.

Jurema Souza


Academia EspaçoVittal - 1 de setembro de 2017 - 2 comments

Condicionamento físico e treinamento personalizado. Essas eram as propostas da professora aposentada Jurema Souza, 71 anos, ao se matricular na academia EspaçoVittal em 2015.

fotos_resultadovittal_03

“Optei pela Espaço Vittal por indicação de um fisioterapeuta e estava procurando uma boa aula de pilates. Cerca de um ano depois, devido à necessidade de fazer exercícios aeróbicos também por pressão médica para diminuir as taxas de colesterol, resolvi fazer musculação incluindo, naturalmente, os aeróbicos”, conta.

 

Desde o ano passado, Jurema faz musculação três vezes por semana no Personal Group da academia. “Escolhi porque achei o conceito interessante, principalmente para mim que não tinha experiência. Gosto de ter supervisão próxima para treinar corretamente”, explica a aluna, ressaltando que sua “proposta nunca foi perder peso e sim condicionamento físico”.

fotos_resultadovittal_02

A aposentada conta que não segue nenhuma dieta, mas procura se alimentar de maneira equilibrada. “Não como frituras, prefiro uma alimentação leve, até porque tenho um aparelho digestivo sensível”.

 

Para Jurema, não importa a idade, o importante é fazer qualquer atividade física para ter uma vida mais saudável. “Vale a pena ser persistente. A geração anterior não tinha esta prática. A minha geração, mais consciente,  certamente está envelhecendo com mais saúde e vigor”.

2 comments

  1. Mônica F. Carvalho

    Concordo com Jurema em relação a geração anterior, e hj com certeza os mais conscientes estão envelhecendo com mais saúde e vigor!
    Atualmente os idosos mais “conscientes” procuram melhor qualidade de vida e se preocupam em cuidar de sua saúde. Desta forma, o envelhecimento antes pertencente aos domínios da geriatria e da gerontologia, começou a ganhar espaço em outras áreas como na atividade física.
    A atividade física para idosos contribui na melhoria geral da qualidade de vida e autonomia desses indivíduos, pois fazer atividade física significa: olhar-se mais, perceber-se mais, sentir-se maia, expor-se mais!
    Essa prática proporciona o reencontro com sua corporeidade.

  2. Mônica F. Carvalho

    Concordo com Jurema em relação a geração anterior, e hj com certeza os mais conscientes estão envelhecendo com mais saúde e vigor!
    Atualmente os idosos mais “conscientes” procuram melhor qualidade de vida e se preocupam em cuidar de sua saúde. Desta forma, o envelhecimento antes pertencente aos domínios da geriatria e da gerontologia, começou a ganhar espaço em outras áreas como na atividade física.
    A atividade física para idosos contribui na melhoria geral da qualidade de vida e autonomia desses indivíduos, pois fazer atividade física significa: olhar-se mais, perceber-se mais, sentir-se maia, expor-se mais!
    Essa prática proporciona o reencontro com sua corporeidade.
    Y

Post a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *